Um marco na evolução dos postes de concreto

 

A Postes Indaial já está distribuindo seu mais novo e revolucionário produto, desenvolvido para a CPFL energia. O poste auto aterrado projetado pela concessionária é uma tecnologia inédita no Brasil, que inclui compostos químicos que tornam a base do poste mais condutiva e utiliza as ferragens da própria armação como eletrodos.

Mais eficácia
Sistemas de aterramento convencionais perdem sua eficácia e até sua funcionalidade com o passar do tempo. O poste auto aterrado elimina este problema ao dispensar o uso da conexão de hastes de cobre adicionais, ao mesmo tempo que reduz a resistência de aterramento das instalações em torno de 81,8%, o que traz mais proteção à rede.

Menos risco de danos
Como qualquer sistema de aterramento, o poste auto aterrado conduz as descargas atmosféricas (raios) em direção ao solo, onde ela acaba se dissipando sem oferecer riscos à vida da população. Mas ele conta com maior confiabilidade e eficácia nesta função, protegendo instalações residenciais e reduzindo o número de eletrodomésticos queimados por conta das descargas elétricas.

Menos custos de instalação e manutenção
No padrão adotado atualmente pelas distribuidoras brasileiras, o aterramento dos postes é feito por meio de uma série de elementos, além da abertura de valas no solo. Isto implica em risco de erros de instalação e susceptibilidade a vandalismos. A nova tecnologia simplifica o sistema e traz economia que chega até 48%. A diminuição do número de transformadores queimados também reduz os gastos com a reforma destes equipamentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>